Área do dentista

CROPE INTERDITA ETICAMENTE SETOR DE ODONTOLOGIA DO HOSPAM EM SERRA TALHADA

Data publicação: 02/03/2018

Responsive image

Na quarta-feira, 28 de fevereiro, após sucessivas visitas de fiscalização realizadas no Setor de Odontologia do Hospital Professor Agamenon Magalhães (HOSPAM), em Serra Talhada, o fiscal do Conselho Regional de Odontologia de Pernambuco - CROPE, Dr. Anderson Candeia, interditou eticamente a Unidade.

De acordo com o fiscal, "se observou que, apesar de notificadas, algumas irregularidades persistiam, como, entre elas, a falta de anestésicos e a quantidade insuficiente de alguns instrumentais (como espelhos clínicos), cuja escassez compromete consideravelmente o desenvolvimento das atividades do Setor, tendo em vista que o local é exclusivamente destinado à realização de procedimentos de urgência/emergência odontológica".

"Também durante esta última fiscalização (28/02/18), se observou a inexistência de compressor, equipamento que é essencial para o perfeito funcionamento da cadeira odontológica, bem como dos demais dispositivos acoplados a ela, e, ainda, se descobriu a ausência de insumos igualmente indispensáveis para o atendimento ofertado pelo Setor, entre eles, o óxido de zinco, o eugenol e o tricresol, os quais, inclusive, com pedido registrado por profissional CD no livro de ocorrências do consultório, em 24 de janeiro do ano vigente, sendo recebido, assinado e carimbado pela Secretaria-Diretoria. No entanto, assim como as notificações expedidas pela fiscalização do CRO-PE, até a presente data o referido pedido não foi acatado", explicou Candeia.

Diante da morosidade para a realização das adequações solicitadas pela fiscalização (com visitas iniciadas em junho de 2017) e prezando pela assistência digna e segura para os profissionais e pacientes, a fiscalização do Regional interditou eticamente a sala clínica odontológica do HOSPAM até que as devidas providências sejam tomadas.



© 2018 cro-pe.org.br Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por