Área do dentista

Cirurgiões-Dentistas do Estado pedem ajuda do Conselho para cumprimento da Lei

Data publicação: 08/02/2021

Responsive image

Uma comissão formada por Cirurgiões-Dentistas que atuam no Instituto de Recursos Humanos de Pernambuco (IRH), antigo IPSEP, procurou o Conselho Regional de Odontologia, CRO/PE na tarde desta segunda-feira (08/02), para tratar da defasagem do salário-base dos analistas de saúde (função dentistas) do estado que trabalham 20h.

O grupo foi atendido pelo diretor presidente do CRO/PE, Eduardo Vasconcelos, e pelo diretor tesoureiro Adelmo Aragão que viabilizaram, de forma virtual, os esclarecimentos jurídicos com a procuradora jurídica do Conselho, Maristela Dantas.

Para cumprir a lei é necessário que o estado ofereça o piso salarial estipulado para a categoria da Odontologia que é de R$ 3.300,00 (três mil e trezentos reais) para uma jornada de trabalho de 20 horas semanais.

“O CRO/PE tem trabalhado para garantir que se cumpra os direitos legais dos cirurgiões-dentistas. Estamos atentos a denúncias e fiscalizando. As denúncias podem ser feitas para o CRO/PE e serão analisadas pela Procuradoria Jurídica para a construção de ações que referendam a valorização do Conselho para com os Cirurgiões-Dentistas”, frisou o presidente.

A comissão, formada pelos Cirurgiões-Dentistas Socorro Lyra Didier (CRO/PE nº4125), Eudides Lins Massa Cidrim (CRO/PE nº4197) e Frederico Gomes Pinto Júnior (CRO/PE nº4157) que recebeu um prazo para retornar ao Conselho com comprovações referentes aos pagamentos salariais da ativa.



© 2021 cro-pe.org.br Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por