Odontologia é serviço essencial e continua com atendimento inalterado

Data publicação: 25/05/2021

Responsive image

O Governo de Pernambuco anunciou novas medidas restritivas para diferentes regiões do Estado. Serviços de Odontologia são considerados essenciais e permanecem de forma inalterada. No caso de aulas teóricas de faculdades e pós-graduações, as mudanças seguem as determinações do Governo do Estado para o setor de educação.

Confira abaixo informações sobre as novas normas:
Na Macrorregião 1, que contempla a Região Metropolitana do Recife e cidades da Zona da Mata, apenas atividades permitidas poderão funcionar nos finais de semana. Durante a semana, permanece o esquema atual, com fechamento às 20h. Da próxima quarta-feira (26.05) até o dia 6 de junho, os 53 municípios das Gerências Regionais (Geres) IV e V - que têm como cidades polo Caruaru e Garanhuns - no Agreste, e mais 12 cidades da Geres II, com sede em Limoeiro, entrarão em quarentena rígida também nos dias de semana.

Nas Macrorregiões 3 e 4 - ambas no Sertão do Estado - permanece o funcionamento das atividades em geral até 20h, de segunda a sexta, e até 18h nos finais de semana. De acordo com o governador Paulo Câmara, a aceleração exponencial da contaminação pela Covid-19 no Agreste do Estado resultou em um aumento de ocupação em todo o sistema de saúde nas últimas semanas. "A consequência direta disso é mais tempo entre a solicitação de um leito de UTI e a transferência dos pacientes para uma vaga de terapia intensiva", explicou.

Segundo o governador, além dessas iniciativas, uma série de providências será tomada para manter o Estado entre os quatro do Brasil com menor mortalidade na pandemia. Paulo Câmara anunciou ainda que solicitou ao Ministério da Saúde mais testes de antígeno, concentradores de oxigênio e uma investigação sobre as novas variantes da Covid-19 nas amostras coletadas no Agreste.



© 2022 cro-pe.org.br Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por